Comissão de Segurança promove ação em alusão ao Agosto Lilás – Mês de conscientização pelo fim da violência contra a mulher

A Comissão de Segurança da Câmara Municipal realizou, durante a sessão desta terça-feira (31), ação alusiva ao encerramento do Agosto Lilás: mês de conscientização pelo fim da violência contra a mulher. Na ocasião, também foram lembrados os 15 anos de promulgação da Lei Maria da Penha.

O presidente da comissão, vereador Delegado Michel, apresentou um histórico da elaboração da Lei Maria da Penha, promulgada em 2006, e falou sobre o desenvolvimento de políticas públicas voltadas ao tema. “A luta de combate à violência é histórica, mas ainda muito atual e necessária. É preciso cada vez mais de mecanismos de proteção à mulher, seja pela prevenção das vítimas ou pela repressão dos agressores”, disse.

Também fez uso da palavra a delegada Tathiana Guzella, que atuou na delegacia da mulher e adolescente de São José dos Pinhais. “A Lei Maria da Penha é uma das mais conhecidas do Brasil. Todavia, menos de 50% das pessoas, segundo estatísticas, conhecem seu conteúdo”, alertou ela.

A coordenadora da Casa de Alice, instituição que acolhe mulheres vítimas de violência doméstica em São José dos Pinhais, Vera Lucia Ladika, apresentou dados do município. “A Casa de Alice já atendeu 592 famílias, 787 crianças destas famílias; 141 adolescentes que sofrem com a violência doméstica cometida às suas mães”.

Ainda, foram exibidos vídeos sobre formas de violência contra a mulher, como os relacionamentos abusivos se desenvolvem e o depoimento de pessoas vítimas de violência doméstica que, com apoio institucional, conseguiram sair do ciclo de violência cometida por seus parceiros.

Estiveram presentes, ainda, a diretora da secretaria de assistência social, Kelly Daiana Antunes; os guardas municipais da Patrulha Maria da Penha, Fabretina e Vidal; o secretário de segurança, Ricardo Kunsh; a presidente da comissão da mulher advogada da OAB-SJP, Vanessa de Souza; o juiz do 3º juizado de violência doméstica e familiar contra a mulher, Augusto Gluszczak Junior; o diretor do conselho comunitário de execução penal, Alan Luis Teixeira e a presidente do conselho comunitário de direitos das mulheres, Rosângela Biscaia.

Tathiana Guzella, delegada que atuou em SJP no combate à violência doméstica

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Vera Lucia Ladika, coordenadora da Casa de Alice.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Assessoria de imprensa 31.08.2021

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Feedback
Feedback
Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support