Vereadores aprovam prorrogação do uso do amianto em São José dos Pinhais

No entanto, proposta de prazo anterior foi diminuída em nove meses.

           Após muitos debates nas últimas semanas, os vereadores aprovaram em primeiro e segundo turno, durante a sessão ordinária desta terça-feira (21), o Projeto de Lei que prorroga o prazo para que as empresas do município deixem de usar o amianto. No entanto, as comissões apresentaram um substitutivo diminuindo o prazo anterior – 31 de dezembro de 2019, para 31 de março de 2019, que também foi aprovado.

            O vereador Professor Abelino justificou suas apresentações de emendas que suspenderam o processo de votação nas últimas semanas. Segundo ele, foi para que houvesse tempo suficiente para que o ministério público do trabalho firmasse acordo com a empresa Multilit. “Esta semana esse acordo foi feito, trazendo, assim, maiores garantias ao trabalhador como, por exemplo, manutenção de postos de serviço e acompanhamento médico”, disse. Abelino deixou claro não ser contra a prorrogação do prazo, contanto que a empresa oferecesse contrapartida a favor de seus colaboradores.

            A maioria dos vereadores já havia demonstrado seu apoio à aprovação do projeto devido à possibilidade de fechamento de cerca de duas mil vagas de emprego no município. Durante a sessão desta terça-feira, o presidente da Casa, vereador Sylvio Monteiro, falou a respeito. “Parecia que estávamos cometendo algum crime aos olhos do ministério público do trabalho e de sindicatos ao ficarmos ao lado do empresário e de seus funcionários. No entanto, o que interessa para nós, vereadores, é o compromisso com o emprego do trabalhador são-joseense”, finalizou. O Projeto segue para análise e possível sanção do executivo.

Renata Teixeira Gomes

Assessoria de Imprensa 21.06.2016

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *