Professor Abelino convoca secretário de esporte e lazer para prestar esclarecimentos sobre gastos com a Festa da Cidade

Vereadores dividiram-se em opiniões contra e a favor do evento.

            A Câmara recebeu, durante a sessão ordinária dessa quinta-feira (17), o secretário municipal de esporte e lazer, Thiago Buhrer, para esclarecer gastos referentes à Festa da Cidade, que ocorrerá nos próximos dias 18, 19 e 20 de março. A convocação deu-se através de requerimento apresentado pelo vereador Professor Abelino, que é presidente da comissão de educação, cultura, esporte e lazer do legislativo.

            O vereador Professor Abelino deixou claro não ser contra a realização da festa, mas, segundo ele, há outras prioridades na área que não estão sendo atendidas. “Não seria mais sensato, devido à crise, suspender esse evento de grande porte e investir em outras coisas? Por exemplo, praças e áreas de lazer do município que estão abandonadas?”, questionou. Ele também afirmou que continuará fiscalizando a utilização de recursos investidos no evento. Ainda, declararam-se a favor de outras prioridades os vereadores Gilberto Mello e Lucia Stoco. “Coisas pequenas de fácil solução, como a pista de skate do São Marcos, não saem e a população tem cobrado”, disse Gilberto.

            De acordo com o secretário, o esforço é para que receitas e despesas se equilibrem e que a realização do evento traga diversos benefícios para o município, tanto direta, quanto indiretamente. “Nosso objetivo não é lucrar, mas proporcionar lazer à população. Fizemos várias pesquisas e este era um anseio da comunidade. Além disso, no período da festa, recebemos vários turistas, movimentando assim a rede hoteleira, o comércio, o serviço de táxi, entre várias outras coisas”, explicou. Thiago também informou os vereadores sobre arrecadação de receitas através de patrocinadores, venda de ingressos, estacionamento e vendas de bebida e comida.

            Em relação às praças, canchas e demais áreas de lazer da cidade, o secretário acredita que uma das principais razões da má conservação de alguns locais é a ação de vândalos. “Estamos trabalhando com a conscientização de usuários e, sempre que possível, com reparos e manutenção de espaços públicos de lazer”, explicou ele, finalizando sua participação deixando seu gabinete à disposição dos vereadores para mais esclarecimentos.

             Fizeram uso da palavra para mostrar apoio à realização da festa, os vereadores Gastão Vosgerau, Luiz Paulo, Luiz Monteiro, Alberto Setnarsky, Nina Singer e Mari Temperasso. “Temos que tirar todas nossas dúvidas em relação ao evento para podermos repassar as informações à população, mas as festas são tradicionais em vários municípios e em São José dos Pinhais não poderia ser diferente”, disse Gastão, que também convidou o secretário a comparecer novamente a Casa para apresentar um balanço completo do evento.

Renata Teixeira Gomes
Assessoria de Imprensa 18.03.2016

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Feedback
Feedback
Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support