Greve dos educadores de São José dos Pinhais é debatida em Audiência Pública

               Ocorreu, na manhã desta segunda-feira (22), uma audiência pública solicitada pelo Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de São José dos Pinhais – SINSEP, para que fossem expostas as pautas e reivindicações que motivaram a greve dos servidores da educação do município.

                O presidente da Câmara Municipal, vereador Sylvio Monteiro, propôs que se constituísse uma comissão composta pelo Executivo, Legislativo e sindicato, com o objetivo de se chegar a um acordo e para que as instituições possam se posicionar. Sylvio utilizou a palavra para demonstrar apoio aos educadores, afirmou também que essa luta é de todos os outros legisladores da Casa. “Estamos do lado dos educadores e iremos lutar juntos por melhores condições de trabalho e mais reconhecimento”, afirmou o presidente.

                          Juciane Zuanazzi, presidente do SINSEP, foi quem coordenou a audiência e expôs aos representantes da administração pública, Poder Legislativo, Secretaria Municipal de Educação, representantes da comunidade e trabalhadores da educação infantil, os motivos pelos quais estão em greve. “Estamos fartos de descaso, queremos ser reconhecidos por nossos esforços. Muitas vezes exercemos funções que não nos cabem, fazemos além do necessário”, ressaltou Juciane.

                    Estavam presentes na audiência pública os vereadores Onildo, Lucia Stoco – que também fez o uso da palavra -, Alberto Setnarsky, Luiz Monteiro, Leandro da Nifer, Tadeu Camargo e Professor Abelino; o prefeito Luiz Carlos Setim e Wagner Rodrigues Batista, representante do sindicato.

Giancarlo Andreso
Assessoria de Imprensa 23.02.2016

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *