Doutor Ido defende criação de Centro de Bem-Estar Animal

Vereador apresentou indicação ao executivo solicitando projeto social

 

            Ao percorrer ruas e praças de São José dos Pinhais pode-se reparar claramente na grande quantidade de animais de rua que circulam pelo município. Tais animais vivem em situação precária e podem causar acidentes e transmitir diversas doenças aos humanos. Preocupado com tal situação alarmante, o vereador doutor Ido apresentou, na sessão ordinária da Câmara Municipal desta quinta-feira (29), indicação ao executivo, solicitando a criação de um Centro de Bem-Estar Animal.

            Segundo o documento, os objetivos do CBEA são a preservação da saúde e do bem-estar das pessoas evitando danos causados por zoonoses; a redução do número de agravos à saúde pública e diminuição dos casos de maus tratos e sofrimento dos animais. O espaço será equipado com consultório, sala de preparo, vacinação, esterilização e sala de cirurgia e servirá como um abrigo transitório com capacidade para cerca de cem animais.

            Ainda, segundo a indicação, os animais também serão castrados, microchipados, vacinados, vermifugados e encaminhados à adoção. O Centro de Bem-Estar Animal promoverá periodicamente, em conjunto com instituições de ensino e entidades civis não governamentais, campanhas e eventos de adoção de animais abandonados. Quem não tiver condições econômicas para castrar felinos e caninos também poderá requerer atendimento e esterilização dos mesmos.

            Na ocasião, o vereador fez uso da palavra em tribuna para defender e ideia e pedir para que o executivo tome providências em relação ao problema. “Faz oito meses que estamos solicitando, mas a prefeitura e seus secretários não têm demonstrado interesse nenhum em resolver o problema dos animais de rua, que é crônico. É uma situação que sociedade, por si só, não consegue resolver e nós, vereadores, temos essa missão. Não queremos mais animais sendo maltratados nem a comunidade sofrendo com a proliferação de bichos abandonados”, disse Ido.

            O vereador também lembrou que, apresentou indicação, pois a lei determina que tais projetos sejam oriundos do poder executivo. Ido já havia proposto o CBEA em emenda a LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias) deste ano, no entanto a solicitação foi vetada.

Renata Teixeira Gomes
Assessoria de Imprensa 29/08/2013

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support