Sistema de Estacionamento Rotativo pago é aprovado pelos vereadores

Projeto gerou discussões entre legisladores

           Foi aprovado, durante a sessão ordinária da Câmara Municipal desta terça-feira (19), o Projeto de Lei nº 273 de autoria do Executivo que institui, em São José dos Pinhais, o Sistema de Estacionamento Rotativo pago. O assunto foi amplamente discutido entre os vereadores durante as últimas sessões.

            De acordo com o Projeto, o Sistema será implantado nas ruas e logradouros públicos da região central e proximidades, denominada “Zona Azul São José dos Pinhais”. As ruas e preços que serão cobrados ainda não foram divulgados. O Poder Executivo tem o prazo de 60 dias para regulamentar a Lei com todos seus detalhes.

            Durante a discussão e votação, os vereadores emitiram diferentes opiniões a respeito do Projeto. Vereador Onildo (PT) declarou, na sessão ordinária de quinta-feira (14), em que o Sistema foi votado em primeiro turno, que a implantação do “estar” é necessária porém, ao pedir vistas do Projeto, o vereador alegou achar importante saber qual é a opinião pública sobre o assunto. “Pedi vistas porque quero fazer uma pesquisa com a população, temos que saber o que o povo quer antes de aprovarmos uma lei”, explicou. O pedido de vistas foi negado em votação.

            Os demais vereadores também fizeram uso da palavra para mostrar seus pontos de vista. A maioria deles mostrou-se a favor do Projeto. “É uma ação inteligente, está mais do que na hora de aprovar o “estar” em nosso município. Os comerciantes ganham muito com isso, pois a rotatividade aumentará”, afirmou Toninho da Anderson (PP). Para o presidente da Casa, vereador professor Assis (PSDB), o novo sistema deve ser divulgado amplamente. “Há um prazo de 60 dias para que o Executivo organize os estacionamentos e divulgue as mudanças em toda cidade com antecedência”, afirmou.

            Já na sessão desta terça-feira (19), o vereador Onildo declarou, em tribuna, que votaria, no segundo turno, contra o Projeto pois, segundo pesquisa feita por ele, a maioria da população é contra a implantação do estacionamento rotativo pago. “A cidade ainda precisa de alguns ajustes, antes de votar projetos polêmicos vou sempre consultar os maiores interessados, ou seja, a comunidade”. A vereadora Mari Temperasso (PSDB) também votou contra, sendo que o projeto foi aprovado por doze votos a favor e dois contrários.

 

Vereador Onildo mostra pesquisa realizada com a população
"A rotatividade no comércio vai aumentar", declarou o vereador Toninho da Anderson que é a favor do Projeto

Renata Teixeira Gomes
Assessoria de Imprensa 19/04/2011

 

 

Clique 2 vezes na foto e a veja em alta resolução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Feedback
Feedback
Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support