Empresas de transporte coletivo esclarecem dúvidas dos vereadores

Secretaria Municipal de Urbanismo também participou do encontro

 

            Os vereadores receberam, na manhã desta terça-feira (01) na Câmara Municipal, representantes das empresas Sanjotur e Auto Viação São José, que prestam serviço de transporte coletivo ao município. Representantes do poder executivo também participaram da reunião que teve como principal pauta as mudanças ocorridas nos horários, itinerários, paradas de ônibus e novo terminal central.

            Estavam presentes, na ocasião, os vereadores professor Assis (PSDB), Bira do Banco (PT), Carlos de Castro (DEM), Walder Mulbak (DEM), Lucia Stoco (DEM), Onildo dos Santos (PT) e Aílton Fenemê (PSDB); o Secretário Municipal de Urbanismo, Luis Afonso Scarpin; o Secretário Municipal de Governo, Miguel Gawloski  e os representantes da Sanjotur e Auto Viação São José, Beatriz Folador e Murilo Dalnegro.

            Segundo Scarpin, a licitação do transporte coletivo de São José dos Pinhais será feita até o mês de maio deste ano. Até lá, será feito um estudo de levantamento para sanar dificuldades e apontar soluções. Ainda, de acordo com o secretário, está prevista a integração urbana dentro do município. “Queremos oferecer transporte com agilidade e qualidade e para isso é preciso mudar o modelo atual”, afirmou.

            Na opinião de Murilo Dalnegro, representante da Auto Viação São José, integrar o transporte coletivo da cidade com Curitiba não é vantajoso para o desenvolvimento do município. “Sem a integração protegemos indiretamente a mão-de-obra local”, explicou Dalnegro que também acredita que a tarifa aumentaria com a integração com a capital.

            Ao ser perguntado pelo vereador Carlos de Castro sobre o deslocamento do tubo do ligeirinho da Praça Getúlio Vargas para o novo terminal central, Scarpin deixou claro que esse assunto não é de competência do executivo municipal e sim da URBS (Urbanização de Curitiba). Segundo ele, a Secretaria pediu para que o tubo fosse mantido no local, porém as solicitações não foram atendidas. “Amanhã participaremos de uma reunião com a URBS e faremos novamente o pedido, mas a prioridade é atender o cidadão que mora em São José dos Pinhais”.

            Beatriz Folador, da empresa Sanjotur, explicou aos vereadores o sistema de integração do novo cartão transporte. “Com essa nova tecnologia não precisamos mais de terminais fechados, há a possibilidade de o usuário embarcar e desembarcar em qualquer lugar no tempo limite de uma hora”, explicou Beatriz.

            O vereador Carlos de Castro também citou a falta de infraestrutura dos pontos de integração do bairro São Marcos, o que tem sido uma das reclamações da população. De acordo com Scarpin, as obras ainda não foram concluídas e a estrutura do local será melhorada, inclusive com instalação de módulo policial. O secretário se comprometeu a discutir todas as mudanças futuras com os vereadores e com a comunidade através de audiências públicas.

            O vereador professor Walder Mulbak finalizou, com sua fala, o encontro. “Essa é uma questão de mais divulgação e a adaptação. As mudanças são sempre necessárias em uma cidade que está em franco desenvolvimento como São José dos Pinhais”.

Renata Teixeira Gomes
Assessoria de Imprensa 01/03/11

 

 

Clique 2 vezes na foto e a veja em alta resolução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support