Evento reúne Gleisi Hoffmann e Lúcia Stoco na Borda do Campo

Assuntos como saúde, educação e aposentadoria estavam na pauta da reunião.
 

 

            Realizou-se, na tarde de hoje (10), uma reunião promovida pela vereadora Lúcia Stoco no bairro Borda do Campo com a presença de Gleisi Hoffmann (presidente do PT do Paraná) e Paulo Moreira Gomes Junior (Secretário de Promoção Social de São José). Na ocasião estiveram presentes mais de 200 pessoas, entre mulheres, crianças e líderes comunitários.
 

            O evento, realizado na Associação de Moradores da Borda do Campo, iniciou-se com homenagem a Gleisi e Lúcia Stoco preparada pela moradora e poetisa do bairro D. Paulina, 81 anos.
 

            Em seguida, o Secretário Paulo Junior discursou a respeito da instalação do Centro da Juventude, complexo esportivo e profissionalizante que começará a ser construído no bairro no fim de 2010. As obras terão o custo de cerca de 2 milhões de reais pagos com recursos estaduais. "Fizemos ainda, um acordo com o governo federal e estadual para resolvermos os problemas das enchentes no município, para isso, arrecadaremos cerca de 38 milhões de reais.", completou o secretário.
 

            Gleisi Hoffmann abordou a necessidade de uma nova creche para a Borda do Campo, e falou sobre o projeto do governo federal Pró-Infância, que pretende matricular 300 crianças do bairro. Segundo Gleisi, a prefeitura já está preparando um projeto para solicitar recursos ao governo. Sendo o projeto aprovado, as obras da nova creche se iniciam no próximo ano.
 

            A presidente do PT do Paraná discorreu, ainda sobre a Lei do Micro empreendedor, que dá direito de aposentadoria às pessoas que possuem um pequeno negócio e contribuem com o INSS com 55 reais mensais. "Com 15 anos de contribuição e, no mínimo 60 anos para mulheres ou 65 para homens, já é possível fazer o pedido de aposentadoria, além disso, donas de casa também têm esse direito." Explicou Gleisi.
 

            Por último, a vereadora Lúcia Stoco esclareceu que as obras do posto de saúde da Borda do Campo estavam paralisadas por falta de recursos financeiros, mas que serão reiniciadas em, no máximo, 30 dias. Para finalizar a reunião, foi servido um coffee-break a todos os participantes.
 

Renata Teixeira Gomes
 

Assessoria de Imprensa 10/07/2009
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Feedback
Feedback
Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support