Indignado Vereador Zé Vieira fala do loteamento da Vila Bruning

O embargo pela justiça do loteamento da Vila Bruning, levou o vereador José Vieira a fazer uso da tribuna, durante sessão ordinária da Câmara Municipal, para falar sobre o assunto. Indignado e inconformado o vereador começou sua fala chamando de picaretas a empresa J.A. Participações e Administração de Bens, que fez o loteamento, e a responsável pela obra, empresa SENA Construções. “Mesmo sendo conhecedoras das denúncias feitas dos crimes ambientais cometidas por elas, continuaram a obra e agora eu pergunto, onde ficam as nossas autoridades e o que eles fizeram para evitar que, mais uma vez, o povo seja prejudicado, principalmente aqueles que fizeram economia, privando a sua família, para poder comprar um lote, e com esse embargo não vão poder construir”, indaga Vieira.

Continuando com sua revolta o vereador disse, ainda, que “nesse País, os grandes fazem e acontecem e a fiscalização do governo e do município não faz nada, mas se é um pobre vendendo espetinho, para sua sobrevivência, daí a fiscalização aparece e acaba com seu ganha pão. O pobre que vende espetinho só tem vez em época de eleição, daí ele pode vender para o candidato e toda a sua família, que não tem problema. Passada as eleições ele que se dane”. Ainda, em sua fala, Vieira acrescentou que “se estou mentindo eu rasgo o meu diploma de vereador”.

Com o panfleto de propaganda do loteamento em mãos, o orador ressaltou que também nesse documento a empresa está enganando o povo, pois a foto não é do local colocado à venda. “Eu volto a dizer o que já disse meses atrás, o nosso prefeito não foi feliz na escolha de alguns secretários, que permanecem até hoje. Eles não estão nem aí como o povo, nem sabem o mal que estão fazendo para a nossa comunidade. Na vida pública tem que ter bom senso” acrescentou.

Ainda, questionando as autoridades municipais e até estaduais, ele foi enfático ao falar de outros problemas do município, como o caso da trincheira na Vila Jurema, que muitos transtornos vem causando aos moradores daquela região, tudo por falta de visão na elaboração do projeto.

Jornalista Nara Moreira – 05/09/2007

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Feedback
Feedback
Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support